A Fenabrave 2018, 28ª edição do evento surge com um tema atual e sugestivo: “O mundo é digital e o relacionamento é humano”. O congresso acontecerá nos dias 7 e 8 de agosto no Transamérica Expo Center em São Paulo.

Para você já entrar no ritmo da feira, preparamos tudo o que você precisa para aproveitar ao máximo o evento.

Neste post você encontra um mapa do local (encontre a Sances) além da programação completa das palestras e um portfólio (para conhecer melhor a Sances).

O que esperar do evento?

O evento é organizado pela Fenabrave e a Reed Exhibitions Alcântara Machado. Tudo acontece no mesmo ambiente, o congresso com as palestras e os expositores. Assim espera-se otimizar o fluxo das mais de 3,5 mil pessoas esperadas para o evento.

Ao todo serão mais de 26 palestras com assuntos selecionados para abordar a necessidade de ter resiliência, projeções econômicas e oportunidades de negócios para um novo modelo de distribuição de veículos, neurociência e até inteligência emocional.

Reúnem os principais desafios que o ramo automotivo enfrenta no mercado brasileiro, e como os profissionais do meio devem se preparar para enfrentar o que nos espera.

Fique preparado para a Fenabrave 2018, receba um mapa, programação e portfólio da Sances para aproveitar o evento ao máximo!

Mudanças necessárias para usar a tecnologia a nosso favor

Existe uma necessidade latente de se reinventar, de usar mais do que nunca a tecnologia a nosso favor. São medidas que quebram paradigmas e trazem resultados diferenciados para quem se mostra verdadeiramente preparado.

O setor automotivo passa por momentos que exigem adaptação aos desafios e uma transformação contínua.

Chegamos a um momento em que as empresas reconhecem a importância da tecnologia para melhorar o desempenho, aumentar o alcance de suas ações e atingir melhores resultados.

O grande desafio está em aliar a escala de trabalho que a tecnologia permite a personalização na comunicação e relacionamentos.

É assim que entramos no que muitos consideram “era do cliente”.

No desenvolvimento econômico do capitalismo, desde a revolução industrial passamos por diversos momentos (inclusive que merecem ser estudados mais a fundo), produção, vendas, marketing e agora entramos no momento em que ter sucesso, é fazer nossos clientes alcançarem a excelência.

Precisamos refletir sobre o que significa transformação digital. E como ela se aplica no dia a dia de concessionários das mais variadas bandeiras e tipos de veículos.

Transformação digital não é futuro, é presente

Primeiro de tudo, vamos abandonar a ideia de que este é um conceito futuro, é uma questão não apenas de inovação, mas sim de atenção máxima a própria sobrevivência do negócio.

Quando se pensa em transformação digital o conceito ainda parece vago para muita gente, alguns ligam o termo a inovação, outros de melhorar a experiência do cliente, e uma dezena de conceitos e ideias.

Para entender o que é exatamente essa transformação, precisamos defini-la, saber como ela se aplica na sociedade e o que fazer para usá-la no meu dia a dia.

A transformação digital é o processo no qual as empresas fazem o uso da tecnologia para alcançar resultados melhores.

Inicialmente pode exigir uma mudança mental dolorida aos negócios que surgiram antes da popularização da internet (como é o caso do ramo automotivo).

Não há como desviar o olhar de pilares tão importantes no funcionamento de uma empresa e que geram mudanças estruturais grandes nas organizações, dando enfoque na tecnologia e como desenvolver os relacionamentos usando-a da melhor forma.

Vendas na era do cliente

A jornada de compra começa muito antes, por meio da internet.

O acesso a informação mudou a forma como o consumidor se educa e decide entre tantas informações e opções disponíveis.

Este é um exemplo prático e muito claro do quanto a tecnologia influencia na dinâmica de atendimento e exige uma abordagem diferente do clássico.

Por isso, um dos grandes enfoques da Fenabrave 2018 é encarar esse desafio (que é realmente grande) com resiliência e controle emocional.

O segredo para lidar com esse dinamismo é o relacionamento humano. Nunca foi tão necessário pensar na experiência do cliente como atualmente.

Equilibrar o uso da tecnologia ao atendimento consultivo é a escolha das concessionárias que alcançam maior sucesso.

Pós-venda, na era do cliente

O pós-venda da concessionária também mudou muito com o avanço da tecnologia. Assim como na venda, o cliente encontra facilmente possibilidades e alternativas para o produto/serviço que precisa.

Ele não realizará este serviço com você porque simplesmente você é o único local que o oferece (afinal existem vários outros). Nem porque você é o mais próximo, ou o mais barato (preço não é o mais importante).

Um pós-venda eficiente entrega o que era esperado, e aquele detalhe a mais para receber o UAU do cliente. Essa entrega precisa mostrar a ele porque vir na sua concessionária foi a escolha certa.

O relacionamento humano abordado na Fenabrave 2018 exige uma relação de interesse real em ajudar. Uma relação em que você entenda as necessidades implícitas e explícitas do seu cliente.

Escala e Velocidade aliadas ao Relacionamento

A tecnologia sobre muitos aspectos pode ser favorável pois não faltam ferramentas no mercado.

Para que você consiga se organizar e dar ainda mais atenção ao que realmente interessa analise e opte pelo melhor DMS para você. Clique AQUI para saber mais.

Seu software de gestão permite estreitar o relacionamento e contato humano? Envia e-mails ou tem atalhos para aplicativos que permitem um contato mais ágil, próximo e informal com seu cliente?

As ligações são outras ações que podem ser otimizadas.

Aqui na Sances usamos e recomendamos o Meetime. Ele é um software que te permite criar cadências de trabalho, em que você executa atividades com um fluxo. Isso agiliza e facilita muito o trabalho de prospecção ou até mesmo de customer success (no caso de ligações/e-mails e pesquisas sobre os clientes).

A cereja do bolo que estamos falando aqui, está no aprendizado e que também é o maior desafio até agora. Que é o fato da tecnologia permitir sim, crescer, dar escala e otimizar ainda mais os processos. A diminuição de custos é uma realidade, e ferramentas para fazer acontecer não faltam.

Você já se reuniu com as lideranças da concessionária para discutir abertamente sobre o assunto? Talvez este período antes da Fenabrave 2018 seja o momento ideal.

Você também vai pra Fenabrave 2018? Legal! A Sances vai estar lá. Aproveite ao máximo o evento com o Mapa, Programação e nosso Portfólio.